Reunião de negociação

Reunião de negociação

Síntese da Audiência após a saída dos colegas do CAFF :

Retirada da portaria do reenquadramento do Difícil Acesso e não desconto dos dias parados.
O Comando de Greve, representado por seis pessoas ( eu dentre elas) reuniu-se com om Secretários da Educação, Geral de Governo e Procurador Geral do Estado, além dos Deputados Estaduais Pedro Ruas ( PSOL), Adão Vila Verde ( PT) e Gabriel Souza( líder do Governo PMDB).
Secretário de Educação leu a proposta do Governo ( segundo eles " para acabar com a Greve"):

1- PL 44 - não votar em 2016
( A resposta dada aos Estudantes)

2 - Revogação da portaria do reenquadramento do Difícil Acesso.
Assim, ninguém perde.

3 - Não desconto dos dias da Greve desde que recuperados.

4 - Convite ao CPERS para integrar um Fórum Permanente de discussão da situação das escolas ( idem aos Estudantes).

5 - Impossibilidade de discutir a questão salarial neste momento.

Comando insistiu na cobrança de:

1 - Reajuste salarial, um calendário de reposição.

2 - Diminuição da carga horária, respeitando a Hora Atividade.

3 - Não criminalização dos Estudantes e Trabalhadores em Educação que participem de Ocupações e da Greve.

Eu, pedi a Sustação de qualquer processo de penalização.

O governo, na questão salarial reafirmou o mesmo.

Vai enviar por escrito durante a tarde a sua proposta.

Assim que receber, CPERS vai encaminhar para Núcleos e divulgar ( face/ página).

O Comando de Greve se reunirá na segunda feira, às 14 horas, para fazer uma avaliação e dar encaminhamentos como, marcar Assembleia Geral para avaliar a proposta do Governo.

A GREVE CONTINUA!

Vamos analisar a proposta do governo e decidir o que fazer.

Se faltou algo importante, acrescentarei mais tarde.

PARABÉNS A QUEM ESTÁ NA LUTA!

A QUEM OCUPOU O CAFF, as CREs.

SÓ A PRESSÃO PODE TRAZER CONQUISTAS!

NEIVA LAZZAROTTO
Comando de Greve  Representante da Intersindical




ONLINE
17