Reajuste salarial para Judiciário

Reajuste salarial para Judiciário

CCJ da Assembleia aprova reajuste salarial para Judiciário gaúcho

Proposta de aumento de 8,13% ainda tem que ser aprovada pelo plenário

CCJ da Assembleia aprova reajuste salarial para Judiciário gaúcho | Foto: Vinicius Reis / AL / Divulgação / CP

CCJ da Assembleia aprova reajuste salarial para Judiciário gaúcho | Foto: Vinicius Reis / AL / Divulgação / CP

* Com informações de Gabriel Jacobsen

Os projetos de reajustes salariais dos servidores do Judiciário gaúcho, do Tribunal de Contas do Estado e da Defensoria Pública do Rio Grande do Sul foram aprovados nesta terça-feira, por unanimidade, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa (AL). Os projetos tramitavam desde outubro do ano passado na Comissão.

Após meses de espera, os projetos - que reivindicam reposição inflacionária de 8,13% - seguem agora para outras comissões antes de chegar no plenário da Assembleia, onde acontece a votação final. Entretanto, mesmo após a tramitação pelas comissões, os projetos podem ser mantidos em espera, na Mesa Diretora da Casa, onde o governo tem maioria.

Além das três categorias, os servidores do Ministério Público já tiveram suas propostas aprovadas na CCJ, mas aguardam a votação do plenário. Já o reajuste dos servidores do Legislativo só será encaminhado à votação, por resolução interna, caso os demais sejam aprovados. No caso do Executivo, o Piratini não enviou projeto de reajuste, congelando os salários.




ONLINE
8