Greve até dia 11 de setembro

Greve até dia 11 de setembro

Professores da rede estadual decidem manter greve até dia 11 de setembro

Reunião do Cpers/Sindicato, em Porto Alegre, definiu manutenção da mobilização. Restante das categorias deve decidir rumos da greve nesta quinta-feira

Por: Caetanno Freitas

02/09/2015

Professores da rede estadual decidem manter greve até dia 11 de setembro Carlos Macedo/Agência RBS
Foto: Carlos Macedo / Agência RBS

Prevista inicialmente para terminar nesta sexta-feira, a greve dos professores vai continuar até o dia 11 de setembro. Foi o que decidiu o Centro dos Professores do Rio Grande do Sul (Cpers/Sindicato) em reunião nesta quarta-feira, na Igreja Pompeia, em Porto Alegre. Por enquanto, trata-se de uma decisão isolada da categoria.

— Decidimos permanecer em greve porque não temos dinheiro — resume a presidente do Cpers/Sindicado, Helenir Schürer.

Protestos na Assembleia vão marcar o quarto dia da greve dos servidores
Servidores protocolam ação contra deputado que os chamou de "vadios"

Sérgio Arnoud, presidente da Federação Sindical dos Servidores Públicos (Fessergs), afirma que as demais categorias em greve no Estado ainda não definiram os rumos da paralisação, mas prevê consenso do movimento unificado.

Em audiência no STF, Sartori discute desbloqueio das contas do RS

— Em princípio, a greve deve ir até sexta-feira. Amanhã vamos decidir isso, ouvir todas as categorias. Algumas já concordam em ir até o dia 11 e fazer um acordo unificado, mas vamos ver. Não tem nada decidido. Só amanhã mesmo para definir — afirma.

*Zero Hora




ONLINE
3