Experiências de ensino domiciliar

Experiências de ensino domiciliar

Ex-alunos contam experiência de ensino domiciliar, que cresce no país

Com o crescimento da modalidade no Brasil, estudantes adeptos elogiam; porém, sem dedicação integral dos pais, filhos podem ficar à deriva

Fonte: Folha de S.Paulo (SP)  25 de fevereiro de 2015

Desde 2012, o MEC permite que o desempenho no Enem seja utilizado como certificação de conclusão do Ensino Médio. O foco era beneficiar os alunos de supletivo, mas a medida na prática facilitou também a vida dos jovens que foram educados em casa - o homeschooling.

Segundo a Aned (Associação Nacional de Educação Domicilar), desde então o número de adeptos no Brasil dobrou e atingiu 2000 famílias.

Acesso à integra
O Grupo Folha não autoriza a publicação na íntegra do conteúdo produzido pelo jornal Folha de S.Paulo




ONLINE
9