Ecoando a educação

Ecoando a educação

Maria Cecília Medeiros de Farias Kother*

 

O que é educação?

O que significa ecoando a educação?

As respostas se encontram no pensar a educação no seu real sentido, na sua profundidade e extensão, na sua importância e na responsabilidade do valor dos efeitos da sua repercussão, vendo-a como um fenômeno que exige engajamento verdadeiro e ativo.

A lacuna gerada pelo pouco envolvimento e compreensão da educação cerceia o seu processo e os consequentes resultados que deveriam dela emergir. Dizer que a educação está com baixa qualidade virou lugar- comum. Em relação à educação, não cabem comportamentos repetitivos de negação dela mesma. Ao contrário, impõe-se que se tomem ações positivas que se contraponham a esse processo de anulação da educação. Agir, em educação, inicia-se pelo conhecimento do seu verdadeiro significado, da complexidade e das exigências que lhe são próprias, pois educar não é tão simples, assim como incluir-se no coro do Ecoando a Educação exige conquista de bons resultados de comprometimento coletivo.

As respostas das questões iniciais estão, também, na seriedade, na responsabilidade e nos efeitos da ação educativa. A educação, como processo sistêmico bem desenvolvido, tem “eco” ao ressoar os seus efeitos na criança, no adolescente e nos adultos. Seu eco é ativo na sonoridade contínua da descoberta do conhecimento, o qual precisa bater e repercutir como necessidade e desejo do querer aprender mais. A educação torna-se motivadora a partir da sala de aula, conduzindo a formação pessoal numa interação coletiva com ecos de continuidade na vida profissional e social.

Ser educado vai além do agir na aplicação dos conhecimentos. É o integrar-se na vida e na sociedade, explicitando os valores em atitudes de respeito, honestidade, simplicidade, solidariedade. É conviver e ser reconhecido pelos bons hábitos, atitudes e comportamentos na convivência com os outros.

Ecoando a educação é o som evocado pelas ondas do conhecimento, traduzidas na ação pela forma educada do agir, tornando cada pessoa um agente de desenvolvimento na sua cidade, no seu Estado e no seu país. É o efeito sonoro consequente do crescimento que vai sendo construído na trajetória da educação das pessoas. A propagação do ecoar a educação deve ser meta orientadora da vida de cada pessoa. Nesse sentido, a Federasul e o Ministério Público/RS iniciarão amanhã a implementação do projeto “Ecoando a Educação”.

*Vice-presidente da Federasul, diretora do Instituto MC Educação Social
Zero Hora




ONLINE
5