Colegas deixam o CAFF

Colegas deixam o CAFF

Professores decidem deixar o Centro Administrativo do RS

Caff tinha sido ocupado na última segunda-feira

Por: Eduardo Rosa   17/06/2016 - 10h19min

Professores decidem deixar o Centro Administrativo do RS Eduardo Rosa / Agência RBS/Agência RBS

Cerca de 9h, grevistas começaram a deixar o prédio do Caff   Foto: Eduardo Rosa / Agência RBS / Agência RBS

O Cpers/Sindicato decidiu deixar o Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), em Porto Alegre, ocupado desde segunda-feira

A decisão foi anunciada na manhã desta sexta-feira. O acerto ocorreu após o comando de greve receber uma garantia de reunião com o governo do Estado às 11h. Os professores começaram a desocupar o local por volta das 9h.

– Estamos entregando (o prédio) exatamente como recebemos – afirma a presidente do Cpers, Helenir Aguiar Schurer.

 

A desocupação, conforme a direção do Cpers, é uma demonstração de diálogo. Apesar do fim da ocupação, os professores sinalizaram que a greve dos professores da rede estadual não acabou.

No auditório onde ocorreu a entrevista à imprensa, professores ressaltaram o apoio a estudantes que ocuparam escolas e a Assembleia Legislativa, cantando "o estudante é meu amigo, mexeu com ele, mexeu comigo".

Na tarde desta quinta-feira, uma decisão tomada pela juíza Andréia Terre do Amaral, da 3ª Vara da Fazenda Pública do Foro Central, determinou que os professores deveriam desocupar o Caff sob pena de multa diária de R$ 50 mil.

A quinta-feira foi marcada pela expectativa de uma possível intervenção da BM, uma vez que a Justiça havia determinado a desobstrução do prédio, o que não foi cumprido pelos manifestantes. Ao longo do dia, representantes da Justiça, do governo e da Assembleia Legislativa estiveram no Caff para tentar negociar com integrantes do Cpers. 




ONLINE
6