Assembleia para sexta-feira

Assembleia para sexta-feira

Cpers entrega contraposta ao governo e marca assembleia para sexta-feira

Para encerrar a greve, os professores querem a formulação de um calendário de reposição salarial

Educadores entregaram nesta segunda-feira uma contraproposta para o governo do Estado | Foto: Cpers / Divulgação / CP

Educadores entregaram nesta segunda-feira uma contraproposta para o governo do Estado | Foto: Cpers / Divulgação / CP

O Comando de Greve dos professores da rede estadual se reuniu nesta segunda-feira e entregou uma contraproposta ao governo do Estado para encaminhar o encerramento da paralisação, que já dura mais de um mês. Os educadores formularam um documento solicitando a extinção do debate sobre o corte do diferencial no salário por difícil acesso, garantia de reposição das aulas sem corte do ponto e formulação de um calendário de reposição das perdas salariais com a inflação. 

As reivindicações foram entregues ao secretário da Educação, Luiz Alcob a, que se comprometeu a analisar as o documento o quanto antes. Já na próxima sexta-feira, o Cpers Sindicato vai realizar assembleia para avaliar os rumos da greve. Os docentes do interior do Estado já estão sendo mobilizados.

Conforme a presidente da entidade, Helenir Schürer, a categoria está aberta ao diálogo, mas espera o indicativo do governo para a recomposição dos salários. “O governo tem que apresentar um calendário com previsão de pagamento da inflação. Somente nos dois anos de governo Sartori, falta a reposição de 24,5%. O governo também tem que cooperar, mas precisamos de algo concreto com a renegociação da dívida dos Estados”.

A primeira e única oferta do Piratini até o momento é a manutenção do pagamento adicional para quem trabalha em locais de difícil acesso.

 

http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/Ensino%20/2016/6/590366/Cpers-entrega-contraposta-ao-governo-e-marca-assembleia-para-sextafeira 




ONLINE
13